Aniversariantes
Enquete

O Palmeiras pode se considerar campeão?

Apuração

Carregando ... Carregando ...

Temporada de “briga de bugios”

A definição “briga de bugios” é forte, porém me parece certeira, definitiva. Esta briga sobre arbitragem, se repete nas rodadas dos mais diferentes campeonatos, sempre com os mesmos argumentos de acusação e com soluções efetivas, que nunca são aplicadas. Começo a formar a convicção de que não há interesse na solução deste problema, pois uma vez resolvido acaba o grande argumento da incompetência.

3 Comentários para “Temporada de “briga de bugios””

  • Cristiano ferreira disse:

    O erro de arbitragem no jogo do Inter foi espantoso. Não pelo erro em si que poderia ocorrer. O árbitro estava um pouco distante, mas de frente para o lance. O assistente de linha de fundo estava próximo. E o bandeira estava vendo o lance também e nada contribuiu.

    Foram seis olhos e um erros escandaloso. O jogador do Inter ainda faz uma cara de dor e uma encenação.

    Mereceu um Oscar deve concorrer a um prêmio de ator da Globo.

    O árbitro não iria marcar, mas foi induzido ao erro por seu assistente que apontou para marca penal.

    Está na hora dos clubes exigirem a profissionalização dos árbitros. O futebol brasileiro sempre atrasado. Deve existir muitos interesses por trás.

  • Rafael Unger disse:

    Sempre que se fala em erro de árbitros alguém fala em profissionalização. Acontece que muitos erros não tem a ver com profissionalização. Quando o árbitro erra a centímetros do lance, o erro é por sua deficiência técnica, desonestidade ou falta de coragem. Ser “profissionalizado” não o tornará imune às pressões e não o fará enxergar melhor.

  • Darci Filho disse:

    Rafael, perfeito.

Comentar

*